25 de outubro de 2014

Fated To Love You (K-Drama)

Demorei, mas finalmente minha inspiração voltou. Não poderia terminar o ano sem comentar o quanto amei acompanhar esse remake maravilhoso do badaladíssimo Fated To Love You. Porém, antes de continuar vale ressaltar : não assisti toda versão taiwanesa e não tenho estomago para aguentar as canalhices dos protagonista ainda mais depois de ser totalmente conquista por Lee Gun!

(Jang Hyuk, Jang NaRa, Choi Jin Hyuk, Wang Ji Won) Ano: 2014
Um herdeiro chaebol e uma "post-it girl" são "obrigados" a casar depois de passarem uma noite juntos que teve como resultado uma gravidez inesperada.

Mesmo tendo uma proposta tão simples e porque não, clichê, Fated conseguiu agradar até o fã mais crítico. A química não só entre o casal principal mas, também, envolvendo todos os personagens da trama, além da maturidade como a historia foi tratada foi o diferencial, já que o casamento "obrigado" aqui é bem entre aspas.

Lee Gun foi disparada o melhor protagonista do ano. Simples, engraçado e totalmente diferente da versão original, Gunnie - apelidado carinhosamente assim por ele mesmo - brilhou o drama inteiro, e, com certeza foi a melhor parte dos 20 episódios. Ele pode ter caídos no mesmo ciclo de "mentindo para proteger" que estamos mais que saturados mas, até nisso, Gun foi diferenciado em seus motivos e métodos. Agora, minha maior babação de ovo do ano vai para Jang Hyuk, um ator desconhecido para mim mas, que estou loucamente correndo atrás do prejuízo e assistindo todos os grandes sucessos - que não foram poucos - deste homem. Ele conseguiu transmitir todos os sentimentos necessários sem torná-los demasiados ou superficiais, já que, na teoria Gun era um homem marcado e porque não, triste que escondia isso com o riso. Falando em riso, jamais, digo, J-A-M-A-I-S existirá risada mais estranhamente gostosa do que a de Lee Gun...
A nossa heroina não pode ser desmerecida. Min Young tinha tudo para dar errado mas, deu incrivelmente certo. Ela era tímida, sem atitude e totalmente eclipsável mas, foi amadurecendo ao longo do drama. Vale aqui uma comparação com a versão original, onde a protagonista era submissa e humilhada a todo instante pelo descartável protagonista - já, nossa Min Young caracol não era burra ou influenciável, e nem por um momento foi mais um esteriótipo de comédia romântica.
A química do casal já era esperada, tamanho o sucesso que haviam feito anos antes, porém, em Fated eu pude sentir ainda mais sentimento vindo dos momentos de ambos. Eram cenas engraçadas e cotidianas que, obviamente, se tornavam espetaculares. Não existiram momentos de vergonha alheia ou sono, se pudesse definir a base para casais em doramas, Fated seria o "guia do estudante".
Daniel e SeRa os antagonistas da trama são ok. Mesmo com todo carisma de Jin Hyuk, Daniel não conseguiu superar o protagonista, sua personalidade era quase enfadonha em alguns momentos tamanha a perfeição que o pintavam. Na versão Taiwanesa da história funcionou muito bem graças ao protagonista detestável, porém aqui, Gun consegue eclipsar qualquer avanço do Daniel para com a Min Young, nem por segundo consegui vê-los como um casal. Já SeRa me fez mudar de opinião para com ela diversas vezes, tanto que acabei por gostar da personagem ao final de tudo. Creio que ela realmente amou o Gun e sentiu-se extremamente traída, mesmo sendo ela a primeira a abandoná-lo, contudo, seu desenvolvimento como uma antagonista não irritante ou má, apenas como mulher foi muito bom. Por fim, a maneira encontrada para uni-los foi bem utópica mas, muito melhor do que eu imaginei com o andamento da história.
Apesar de ser uma história muito romântica, Fated consegue adicionar cenas simples de comédia e tornar tudo mais gostoso. As melhores tiradas ficam por conta de Gun e seu relacionamento com os demais personagens, desde o meio-irmão trambiqueiro até sua "história de amor" com a sogra - e vale ressaltar esse relacionamento consegue ser muito lindo.
O melhor de tudo em Fated foi acompanhar todo o encantamento do casal com o bebê. Como duas pessoas aparentemente tão diferentes conseguiram se unir por amar uma pessoinha que eles ainda não conheciam mas já ocupava todos os seus pensamentos. E aqui eu gosto e deixar claro, em nada Fated lembra a versão original, pois, nem por um momento, Gun maltratou a Min Young e, muito menos ela, se rebaixava ou mendigava por atenção.
A segunda fase da história foi demais para o meu coração. Não posso falar o que levou a separação do casal nem o quanto isso afetou suas vidas mas, deixo claro que nessa parte meu amor por Lee Gun extrapolou o "normal" e o transformou no meu protagonista preferido, tamanha a devoção com que ele cuidava do "caquinha de cachorro" e sua "caracol". O final, foi ainda mais lindo - onde Min Young tomou as rédeas da situação e também transformou-se numa protagonista diferenciada na minha opinião.
Gostaria de comentar ainda mais sobre todos os personagens, principal sobre o passado do Gun e como ele influência na personalidade do nosso prota mas isso acho que cada espectador deve descobrir por si só. Vale então apenas indicar sem medo de ser feliz Fated To Love You, uma comédia-romântica que trás o mesmo que estamos acostumados de uma maneira única, são dramas como esse que ainda me fazem acompanhar as novelas asiáticas.


Eu nem vou falar o quão linda é a OST, só ouçam :
(sem cenas do drama pra evitar spoiler)


E claro a MELHOR OST EVERRRR:

(Gunnie saudades!)


Então é isso...
Snail couple! 
Beijos, até a próxima!

8 comentários:

  1. Sem sombra de duvida esse drama foi um dos melhores do ano, pelo menos está sendo. Eu até fico na duvida de no final qual será o primeiro, se será ele ou It's Okay que também foi um ótimo drama, ambos fizeram meus finais de semana mais felizes já que era quando saiam as legendas. Não posso falar muito sobre a versão original já que eu nem curiosidade tenho de ver, pelo simples fato de saber que nenhum ator dará vida ao personagem Gunnie como o Jang Hyuk e também porque não fui com a cara dos atores tw kkkk
    Ouvi boatos que os atores iriam protagonizar mais um drama juntos em 2015, agora se isso realmente acontecer ficarei feliz de mais, porque a química e a física entre eles foi incrível.
    A OST recusa comentários porque foi outro ponto fortíssimo do drama, que colaborou muito para o drama ser esse sucesso que foi. Amei o vídeo com as risadas do Gunnie, deu para matar um pouco a saudades dele do melhor personagem dos dramas, são nesses momentos que vemos o quão talentoso é um ator que faz com que com um personagem "simples" que poderia ser odiado, foi amado por todos que assistiram o drama.
    Parabéns pelo post, fiquei com uma enorme vontade de rever as cenas lindas desse casal maravilhoso.
    bjs :*

    ResponderExcluir
  2. Falou tudo!! Realmente esse é o drama deste ano no qual o protagonista de sobressaiu lindamente.

    ResponderExcluir
  3. Anônimo30/10/14

    Esse foi o drama mas esperado por mim !pois vi alguns episodios da versão original é achei a temática otima !ai mas depois de vê essa versão jamais irei terminar a original JAMAIS pois como vc disse ninguêm irá substituir o GUN !tava com saudades de suas resenhas! beijão e vê se não fica sumida tá linda!Suelen

    ResponderExcluir
  4. Quando soube que Fated teria um remake fiquei mega feliz, porque a versão original é super querida por mim, foi meu primeiro drama TW, enfim. De uma forma geral eu gostei da versão Coreana, mas algumas coisas não rolou.

    Prós:

    Super bem produzido.
    Mesmo o visual da Min Young sendo simples não era brega como a Xin Yi.
    A inclusão de uma amiga para a Min Young na historia, que por sinal era bem legal.
    O relacionamento do Gun com a sogra que era a coisa mais fofa do mundo.
    O proprio Gun que era super carismatico e divertido, porem ele não supera o Cun Xi.

    Contra:

    Humor muito pastelão.
    A segunda fase do Drama ficou muito chata com aquela historia da separação sem um motivo justificável.
    Enrolação do meio pro final.

    SPOILER!!!

    Na versão original eles se separam por um grande mal entendido, e é até justificável porque foi um big mal entendido só que na versão Coreana ficou meio que "Oi? Só isso? Foi esse o GRANDE motivo? A primeira fase sim, foi muito boa, a segunda foi meio "vou assistir pra finalizar". Na Coreana o Gun era meio perdido, tipo não fica muito claro quando ele começa a gostar dela... em algum momento da historia ele simplesmente está caidinho por ela, diferente do Cun Xi que era um cara egoísta que pouco a pouco aprendeu a amar a Xin Yi.

    Infelizmente não superou a versão original, uma pena porque a expectativa foi grande.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo25/8/16

      Acredito que Gun começou a gostar da Min Young no segundo encontro dos dois, ele já foi pensativo pra casa depois da despedida, acho que ele apenas estava confuso, mas com o tempo os sentimentos foram ficando claros...

      Excluir
  5. Fated é MTOOO AMOR! Gente, como não amar?! Uma das melhores comédias românticas do ano, mesmo com a temática clichê, temos o diferencial do Gunnie, coisa mais cativante ever! Jang Hyuk foi incrível! E Jang Nara uma linda e fofa, amo a atriz e a amei na personagem. Por mais muso que seja o personagem do Jinhyuk era muito chatinho e a antagonista foi nos surpreendendo e acabou cativando. AMEII o final, tudo tão perfeitinho e todos os desdobramentos do drama foram bons.

    Sobre a versão taiwanesa, eu até comecei a ver e parei na metade, o Gunnie me conquistou tanto na coreana que foi difícil aguentar o da taiwanesa. Mas ainda quero mto terminar pois é um drama tão querido e comentado. Temos que levar em consideração que é um drama já antigo e talvez na época a história não fosse tão clichê e também, é um tw-drama. Logo mais enrolado mesmo. Acho que tem seus méritos. Uma amiga minha falou que há alguns desdobramentos que funcionaram melhor na taiwanesa, por mais que ela tenha amado a coreana. Então, assim que me preparar psicologicamente pra aguentar o prota de lá e a antagonista chata volto a ver!

    AMEI o post amiga e parabéns! Continue sempre postando! E veja God's Gift! *_*

    ResponderExcluir
  6. Não consigo entender quem não gostou dessa versão? O Gunnie e a Min Young foram o couple caracol muito fofo e com muita quimíca...não planejo ver a tw por motivos de não ir com a cara dos atores e claro as opinião contrárias sobre essa versão. Ainda bem que decidi ver logo a coreana pq <3 é muito amr

    ResponderExcluir
  7. Anônimo25/8/16

    Acredito que Gun começou a gostar da Min Young no segundo encontro dos dois, ele já foi pensativo pra casa depois da despedida, acho que ele apenas estava confuso, mas com o tempo os sentimentos foram ficando claros...

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Hallyudramas Copyright © 2012 Design by Ana Coscia Hallyudramas

Related Posts with Thumbnails